ZONA LESTE SP

Zona Leste - PortalJE

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Roer unhas? Nunca mais! Confira cinco dicas para você parar com esse hábito

Roer unhas? Nunca mais! Confira cinco dicas para você parar com esse hábito
O ato de roer as unhas é recorrente e não está relacionado com a faixa etária de uma pessoa. Os motivos para a prática mudam de acordo com o indivíduo, por exemplo, nervosismo, ansiedade, fome, insegurança, tédio ou até mesmo decepção.

Além disso, a onicofagia – termo técnico para o costume de roer as unhas – pode desencadear problemas psicossociais significativos e impactar de maneira negativa a qualidade de vida desse indivíduo. “A unha e a pele são nossa proteção contra bactérias e doenças externas, quando removemos uma cutícula, por exemplo, automaticamente estamos rompendo a proteção. Dessa forma, ficamos expostos a inúmeros perigos”, alerta Luzia Costa, fundadora da Sóbrancelhas.

O vício pode provocar ainda graves problemas gastrointestinais como esofagite infecciosa, gastrite, entre outros, até prejudicar a dentição, a musculatura do maxilar e a articulação. Além desses, o ato de levar a mão à boca deixa a pessoa mais exposta a outras bactérias que podem desencadear doenças futuras, como diarreia, hepatite A, caxumba, rubéola, sarampo, entre outras.

A prática de roer as unhas é prejudicial para o corpo e mente. É necessário procurar ajuda de profissionais especializados para identificar o motivo da “compulsão” e as consequências. Pensando nisso, Luzia listou cinco dicas – que ela sugere para suas clientes – para ajudar a controlar esse hábito corriqueiro.

Confira:

Identifique os momentos que despertam a mania – Nada melhor do que o autoconhecimento. Saiba identificar o momento exato que desperta a vontade de roer as unhas. Esse é o primeiro passo para saber se o hábito está relacionado a problemas no trabalho, na vida pessoal, e assim por diante.

Roer as unhas é um alerta – Muitas pessoas associam a prática com a ansiedade. Estudos mostram que pode estar relacionado, mas que esse sentimento não é o único que desencadeia essa compulsão. Ansiedade, tédio, estresse, tristeza, tudo isso pode interferir de maneira direta no costume. Procure um médico ou especialista para fazer um acompanhamento.

Mantenha a boca ocupada – Mastigue um chiclete, bala ou algo do gênero, mudar o foco é importante principalmente em momentos de ansiedade ou incertezas. Quando estiver em uma posição difícil, respire fundo e tente controlar suas emoções.

Tenha um kit manicure por perto – Toda vez que você pensar em roer as unhas, tire da bolsa um “kit manicure”, use alicate, lixas, etc. Com o hábito de lixar ou cortar, amenizamos a ação de roer. Tente manter sua mão longe da boca. Importante: Não compartilhe o seu kit com ninguém, isso pode acarretar em problemas futuros.

Mantenha as unhas feitas – Esse truque é ótimo. Mantenha as unhas feitas, o que aumenta a chance de não levar a mão na boca para não estragar.

Confira alguns produtos que te auxiliarão no cuidado diário com suas unhas:

Nutri Nails: Ideal para pessoas com unhas fracas, esse produto fortalece, prevenindo quebras, descamações e lascas. Você verá resultados em 15 dias de uso!

Hidract-E: este produto é excelente regenerador, pois contém ácidos graxos essenciais, capazes de restaurar a maciez e retirar o aspecto ressecado das cutículas e até mesmo das unhas.

Removedor de cutículas: quer diminuir as cutículas? Então este produto irá te auxiliar. O Removedor foi desenvolvido especialmente para amolecer as cutículas proporcionando rápida e eficiente remoção.

Hidratante Intensive: este produto irá manter a umidade natural das mãos, protegendo sua pele com filme protetor de silicone, impedindo ataques de agentes agressores causadores do ressecamento por longa duração.

Multi Esfoliante: é ideal para mãos e pés. Contém pequenos grãos de sementes de damasco que desobstruem os poros, removendo impurezas, oleosidade excessiva, células mortas e qualquer ressecamento.

Redação Zona Leste SP

Zona Leste SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *